Destaque do Festival de Crustáceos, Maestro Celsinho comemora participação no evento: “É um privilégio”

0
157

A última edição do Festival de Crustáceos e Frutos do Mar, em Casimiro de Abreu, manteve uma tradição que é considerada sucesso por todos os moradores e pelo público do evento em geral: a triunfal chegada de Celso Cordeiro, o Maestro Celsinho, de barco e tocando música da melhor qualidade na Beira Rio.

A Folha de Casimiro bateu um papo com o músico e sobre a experiência de ser atração, mais uma vez, da festividade. Confira:

Folha: Celso, o que achou do Festival de Crustáceos desse ano? Quais as suas impressões?
Maestro Celsinho: Achei muito bem organizado, com uma boa infraestrutura e participação do público. Infelizmente, não consegui participar todos os dias, mas acompanhei pela internet.

Folha: Pelo segundo ano seguido, você foi uma das grandes atrações do evento, chegando de barco e tocando música ao seu estilo. Como é isso para você?
MC: Isso me traz muita emoção e felicidade, desde o ano passado, a convite do Dudu (dono do Caiçara), em que surgiu essa ideia. Para mim é um privilégio. Me sinto muito prestigiado!

Folha: Além de você, outras bandas e músicos tocaram no Festival. Gostou delas?
MC: Infelizmente, não tive oportunidade de assistir a todas, mas a banda que tocou após a minha apresentação foi muito legal!

Folha: Elymar Santos foi uma atração que deu bastante repercussão no último dia de festividade. O que você achou do show?
MC:Olha, eu gosto muito do show dele, mas, devido a outros compromissos, não pude assistir.

Folha: Conseguiu beliscar algum fruto do mar?
MC: Não consegui, não tive tempo! Mas, pelo que ouvi de quem comeu, com certeza estavam saborosos.

Folha: Para encerrarmos, mas não menos importante: podemos contar com a sua participação no ano que vem?
MC: Sim, se for da vontade de Deus.

Comentários