Feira de Variedades “Quintal do Poeta” realiza sua segunda edição em Barra de São João

0
656

Neste sábado (2), foi realizada, das 9h às 17h, a segunda Feira de Variedades “Quintal do Poeta”, em Barra de São João. A exposição de barracas de artesanato, comidas típicas e doces caseiros, armadas na área externa ao Museu Casa de Casimiro de Abreu, localizado à Beira-Rio, ofereceu aos visitantes, uma variedade de objetos decorativos, utensílios para o lar, lembrancinhas e a oportunidade de ver de perto o trabalho de cada artista.

A presença de mais de 70 artesãos cadastrados para a feira, fez do dia uma imensa festa ao ar livre. Em um clima festivo, a feira promete ser uma marca registrada para a exposição de artesãos locais e da região.

Segundo a representante da Fundação de Cultura em Barra de São João, Maria de Fátima Pereira Canêjo Francisco, a feira já começa a virar tradição no distrito e promete ser uma fonte de renda extra para os artistas, além de ser um canal de novos talentos.

– Essa segunda feira já começa a se consolidar aqui e o sucesso é tão grande que ela será realizada uma vez por mês. E para aproveitar o feriado que está chegando, iremos promover uma outra feira no sábado, dia 09. Há cada exposição, estamos apresentando alguma coisa relacionada à cultura. Hoje por exemplo, teremos um número de dança de salão. Esse momento é único para os artesãos, onde podem expor seus trabalhos e interagir com outros artistas.

Quem pôde mostrar seu trabalho, vê na feira a oportunidade de ser reconhecido e de garantir boas vendas. É o caso da artesã e artista plástica, Simone Miranda. No caso dela, o privilégio de mostrar a todos o que ela faz de melhor, é o que importa.

– Para mim, tudo isso é uma porta que se abre para os artesãos locais. Sabemos que Barra de São João é um lugar histórico e que recebe muitos turistas. Poder estar numa feira como essa, em um clima como esse, com esse cenário, isso não tem preço. É a primeira vez que participo e não vou parar mais. Aqui já se tem a cultura do artesanato e estou apaixonada pela feira.

O mesmo diz a artesã de Barra de São João, Lucineia Gomes Pinto. Nascida em uma família de artesãos, ela que segue a tradição familiar, expõe seu trabalho em mais de 30 anos confeccionando artesanato em palha e fibras naturais.

– Fabricamos diversas peças artesanais, bonecas, bolsas, sandálias, flores, tudo com fibras naturais, palhas e folhas de bananeira. Ao todo somos em seis na família que seguem o ofício e a tradição deixados por nossos pais. Essa é minha primeira vez na feira e vejo como um momento único, de muito valor para nosso trabalho e também é um incentivo às vendas.

Um outro atrativo que vem marcando presença nas feiras de variedades, além do artesanato, são as comidas e doces. Para a doceira, Rita de Cássia, de Barra de São João, a feira é uma oportunidade de mostrar o que se sabe fazer de melhor.

– É um grande prazer poder participar de uma feira como essa. É muita gente boa reunida em um só lugar. Além de uma variedade de artesanato, quem gostar de doces e salgados, irá encontrar aqui na minha barraca, muita coisa gostosa, é só vir e provar. Vale a pena conferir.

 

Comentários