Operação “Cruz Vermelha Viva” é realizada em Barra de São João

0
580

A Praça “As Primaveras”, no distrito de Barra de São João, recebeu, nesta quinta-feira
(27), das 13h às 19h, mais uma operação da Cruz Vermelha Brasileira, denominada
“Cruz Vermelha Viva”. A ação social ofereceu à população, orientação e prevenção,
com cuidados de higiene bucal, aferição de pressão arterial, medição de glicose,
verificação do Índice de Massa Corporal (IMC), assim como os cuidados que se deve
ter com a dengue, zika e chikungunya, além de oferecer recreação educativa para as
crianças.

A operação “Cruz Vermelha Viva” trata-se de um encontro de universitários e
voluntários da Cruz Vermelha Brasileira da área de saúde, entre os cursos de medicina,
enfermagem, psicologia, nutrição e odontologia, que atuam em ações sociais em
diversos municípios no Estado do Rio de Janeiro.

Segundo o presidente da Cruz Vermelha de Casimiro de Abreu, Aroaldo de Oliveira, a
ação conta com a interação dos universitários com o programa proposto pela Cruz
Vermelha Brasileira.

– São realizadas atividades de interação, além de outras como
doação de agasalhos e cobertores, que serão distribuídos entre asilos, abrigos e creches.
O trabalho acontece simultaneamente com outros municípios, entre Rio das Ostras,
Friburgo, Campos e aqui em Casimiro de Abreu. Todo o contexto da operação é voltado
para a ação humanitária ampla, além dos serviços oferecidos à população. São 10 jovens
universitários, que trabalham também com panfletagem.

O “Cruz Vermelha Viva” foi montado pelo departamento de juventude da filial da Cruz
Vermelha do Estado do Rio de Janeiro e tem por objetivo dar assistência, atender e
promover a atenção à saúde básica em regiões que mais necessitam de assistência.
De acordo com o estudante de odontologia, voluntário e monitor da Cruz Vermelha na
ação, Rafael Cruz Rodrigues, é importante oferecer serviços à população com
orientação.

– Nossa equipe é multifuncional com profissionais de saúde em diversos segmentos,
além de termos o apoio dos socorristas de Rio das Ostras.

Já para a estudante de enfermagem e também monitora da Operação “Cruz Vermelha Viva”, Amanda Ramos, o trabalho com as crianças é fundamental, pois elas representam o
futuro.

– Por causa dessa preocupação que temos em oferecer uma orientação para as crianças,
estaremos dando um certificado de participação na operação à todas que estiverem
aqui hoje. Esse pequeno gesto despertará, em cada criança, a responsabilidade que
devem ter desde cedo.

A programação da Operação “Cruz Vermelha Viva”, que acontece simultaneamente nos
municípios de Casimiro de Abreu, Rio das Ostras, Nova Friburgo e Campos dos
Goytacazes, vai até dia 30 de julho, onde serão oferecidos outros serviços à população.

 

Comentários